Marina Tasca: DENTRO ONDE EU NÃO CAIBO

Uma série de mapas com percursos de metáforas de um mundo interior, que acaba de aprofundar suas raízes. Num encontro de coisas vivas, um fluxo de composição-texto, composição-coral, composição-constelação. Um mundo do desenho habitado por animais, plantas, objetos, seres humanos e seres fantásticos feitos de textura gráfica, densidade de materiais, cor e de um estado de espírito aberto para a natureza sensível de todas as coisas.

Quase lá...

Não há nenhum produto ainda, mas, quando você começar a adicioná-los, eles aparecerão aqui, independentemente se estiverem em uma coleção.

Adicionar um produto